fbpx

Blog

Latest News
Desencontros amorosos

Desencontros amorosos

Amar e ser amado é o que muitos querem e correm atrás. Contudo é comum que os encontros amorosos tornem-se desencontros. Quem nunca se frustrou em algum relacionamento amoroso que atire a primeira pedra, não é mesmo?

Situações de desencontro amoroso são comuns e muitas vezes geram uma série de frustrações. É frequente casos em que logo após a um término de relação ou quando aquele encontro inicial acaba gerando mal estar e falta de interesse, que as seguintes questões surjam “será que eu fiz algo de errado?” ou “será que se eu tivesse agido de tal forma seria diferente?”. Normalmente surgem da parte da pessoa que desejaria continuar a investir na relação e se sente culpada por algo que saiu da expectativa de como seria aquele relacionamento. Consequentemente as possíveis respostas aparecem em formas de queixas  “quem eu quero não me quer e quem me quer eu não quero” ou “eu devo ter o dedo podre mesmo, porque só atraio pessoas negativas”.

Amar e ser amado não é tarefa fácil! Freud, o criador da psicanálise, já dizia que o final de uma análise se dá quando é possível amar e trabalhar. Parece simples, né, mas o amor dá trabalho. Acreditamos que para alguém ser amado é preciso merecer e ser uma pessoa incrível, só os melhores são amados e então quando alguém nos ama soa estranho e errado. Por outro lado, também temos dificuldade em nos envolver com alguém, pois para amar é preciso perder. Ninguém ama sem perder uma parte de si para doar ao amado. E para alguns sujeitos isso é muito difícil, principalmente para aqueles que tiveram muitas frustrações amorosas e acabam se sentindo incapazes de se envolver novamente com alguém. Que confusão, hein! Agora juntem a pessoa que acredita que para ser amada precisa fazer por merecer com aquela que tem dificuldade em amar. Haja desencontro!

Talvez, lendo até aqui, você tenha se identificado com o texto e algumas questões tenham surgido. É essencial que você as trabalhe em uma análise ou psicoterapia, pois com ajuda do analista possivelmente encontrará novos caminhos e novas percepções para esse impasse. 

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.